domingo, agosto 29, 2010

A CORPORAÇÃO MUSICAL MANOEL ALECRIM TORNOU-SE UM DOS 100 PONTOS DE CULTURA DE MINAS



          Atualmente, o Projeto Mais Cultura nas escolas está sendo realizado pela E.E. Antônio Fernandes de Oliveira e a Corporação Musical Manoel Alecrim. Estão acontecendo aulas de percussão na escola e aulas de teoria musical na "Casa da Banda".    A Fanfarra escolar está a pleno vapor, inclusive fizeram uma apresentação no dia 07 de setembro de 2014, no evento que envolveu as famílias dos alunos da Escola.      A Corporação Musical Manoel Alecrim também se apresentou nesse evento, após se apresentar no Encontro de Bandas no município de Datas MG.  






<><><><><><>
Mais Vida para nossa Cultura
</></></></></></>
 Após ter seu projeto “CULTURA VIVA “ selecionado no Edital Público nº 01 de 19/12/2008 do Programa Mais Cultura do Ministério da Cultura e Programa Cultura Viva da Secretaria de Estado de Cultura de Minas Gerais, a Corporação Musical Manoel Alecrim de Veredinha tornou-se um dos 100 Pontos de Cultura de Minas Gerais. O Projeto foi idealizado e montado pelo regente da Banda, na época presidente da Corporação, Edimar Lino dos Santos(Dimas). O mesmo prevê a ampliação da Banda de Música e a melhora no aspecto quantitativo e qualitativo, além de outras ações a serem desenvolvidas na comunidade.
Como surgiu o Projeto “Cultura Viva”?
O Edital de Seleção para Implementação de Pontos de Cultura em Minas Gerais foi lançada em dezembro de 2008 e, ao todo foram enviados para análise e seleção 465 projetos de interessados na implementação de novos Pontos de Cultura no território mineiro.
Veredinha, por meio da Corporação Musical Manoel Alecrim, teve o Projeto “Cultura Viva”, da autoria de Edimar L. Santos(Dimas), inscrito e classificado para compor os 100 Pontos de Cultura Mineiros.

-Como foi a classificação?
A classificação foi feita por avaliação técnica e de mérito do Projeto, pontuando: a elaboração, as metas, a coerência e os resultados a serem produzidos na comunidade.

-De onde vem o recurso para os Pontos?
Os Pontos de Cultura são resultantes de uma parceria entre o Governo Federal, por meio do Programa Mais Cultura do Ministério da Cultura, e o Governo de Minas, através da Secretaria de Estado de Cultura.
-Qual é o valor destinado a cada Ponto?
Cada ponto de cultura selecionado vai receber três parcelas de R$ 60.000,00, ao longo de três anos, sendo que já foi repassada a 1ª parcela em Julho de 2010. 

-Qual é a abrangência dos Pontos de Cultura a nível estadual?
A riqueza contida na cultura mineira pode ser comprovada na diversidade de projetos selecionados que contemplam comunidades quilombolas, nações indígenas – xacriabá e krenak -, portadores de necessidades especiais, portadores de sofrimento mental, grupos de terceira idade, comunidades rurais, novas tecnologias, culturas tradicionais, teatro, dança, música e literatura. Veredinha tornou-se um Ponto de Cultura com um projeto na área de Banda de Música.

- Como será dada a contrapartida do Projeto ?
A contrapartida está sendo dada em forma de serviços voluntários, por Edimar L. Santos, que coordena o Projeto e faz a prestações de Contas, trabalho avaliado pela Secretaria de Estado de Cultura  em R$ 36.000,00.

QUAIS SÃO AS AÇÕES DO PROJETO “CULTURA VIVA”?

-Contratação de instrutor musical
e Abertura de aulas de música
 Após contratação de Luan R. Santos para instrutor musical do Ponto, foram abertas inscrições e iniciadas as aulas em duas turmas com uma média de 40 alunos, em salas cedidas pelo diretor da Escola Estadual Antônio Fernandes de Oliveira.  Estes alunos têm aulas diárias com todo o material custeado pelo Ponto.  Atualmente, estes alunos já estão na fase de aulas práticas e instrumental e passaram a estudar na sala própria da Banda.
Distribuição de instrumentos aos novos alunos
- MONTAGEM DE SALA DE INFORMÁTICA.

Visando a inclusão digital dos jovens, por meio da música, o Ponto de Cultura “Cultura Viva” disponibilizou para os alunos da Corporação Musical Manoel Alecrim, uma SALA DE INFORMÁTICA, montada no Centro Cultural de Veredinha, que possibilitará a estes o aprendizado da teoria e prática musical, com a ajuda da informática.   A sala de informática faz parte do quite multimídia do Ponto de Cultura e, por meio de site específico, servirá também para a divulgação das ações do desenvolvidas e interação com os demais Pontos de Cultura.  
Alunos tendo aula de música informatizada

-Aquisição de cadeiras para realização doS Encontro de BandaS.
Como há uma grande participação popular nos Encontros de Bandas, a aquisição das cadeiras permitirá mais conforto aos músicos e expectadores de cada evento.

-CONFECÇÃO DE NOVO UNIFORME DE GALA PARA A BANDA DE MÚSICA.

Com o passar dos tempos, os jovens vão crescendo, vão ingressando novos músicos na Banda  e os uniformes não servem mais. Graças ao Projeto “Cultura Viva”, foi confeccionado um novo uniforme, por aproximadamente R$ 4.500,00,  tornando a Banda mais apresentável.

-REALIZAÇÃO DO 2º ENCONTRO DE 
BANDAS DE MÚSICA EM VEREDINHA 
 

O ano de 2010 foi um ano de poucos encontros de Bandas. Várias cidades que promoviam esse tipo de evento, nesse ano, não o fizeram e, Veredinha, com a ajuda de pessoas da comunidade, mais uma vez mostrou que é organizada e saiu na frente com um evento que trouxe à comunidade música de qualidade e entretenimento aos jovens, adultos e terceira idade. O Evento reuniu 9 bandas de Música das cidades de: Aricanduva, Capelinha, Couto Magalhães de Minas, Itaobim, Leme do Prado, Minas Novas, Turmalina e duas Bandas de Veredinha; sendo uma da sede e outra do distrito de Mendonça. O encontro foi sucesso absoluto, recebendo comentários de pessoas de outros municípios e, especialmente das pessoas de Veredinha, que foram extremamente calorosas para com a Banda de Música local. A recepção na Praça emocionou os músicos que sentiram emanar da população a energia positiva para continuarem fazendo Veredinha brilhar no cenário musical. Para fechar o evento, a Praça lotou com o show de Juninho Maria Tereza e Companhia, músicos remanescentes da Banda que mostraram seu talento e gravaram seu primeiro DVD em praça pública.

-AQUISIÇÃO DE FILMADORA E CÂMARA FOTOGRÁFICA  DIGITAIS.


Para registro da produção cultura, o Ponto adquiriu uma filmadora e uma câmara fotográfica digital, totalizando um valor de R$ 6.480,00.
-AQUISIÇÃO DE EQUIPAMENTOS DE SOM
Para possibilitar aos músicos da Corporação  a exposição de seus talentos e garantir a sonorização dos eventos culturais da Corporação foram adquiridos equipamentos de som no valor total de R$ 9.350,00. 



-PASSEIO COM OS MÚSICOS, ACOMPANHANTES E  FAMILIARES
Visando proporcionar maior integração e entretenimento, aos jovens músicos da Corporação, o Projeto “Cultura Viva” possibilitou e custeou um passeio ao Restaurante Fogão a Lenha, no dia 16/01/2011.  Foi um dia de muita alegria e descontração para os músicos, seus familiares e acompanhantes.



QUAIS SÃO AS AÇÕES DO PONTO DE CULTURA NAS PRÓXIMAS ETAPAS?
Além das ações já citadas, a previsão para as próximas etapas é a continuidade do trabalho que já está sendo feito, ampliação da Banda de Música com a formação de novos músicos, aquisição de novos instrumentos musicais e melhoramento na estrutura com a aquisição de novos equipamentos, visando despertar os jovens para a música e o entretenimento sadio.  Há também a previsão de criação de um site para divulgação das ações culturais do -Projeto Cultura Viva e maior interatividade com os demais Pontos de Cultura e a realização de viagens a outros  municípios para participação em eventos culturais.

PROJETO !CULTURA VIVA" POSSIBILITA O REPASSE DE
INSTRUMENTOS MUSICAIS A ALUNOS E MÚSICOS
  Neste domingo, 14 de agosto, o coordenador do Projeto “CULTURA VIVA”, Edimar L. Santos(Dimas), entregou aos músicos e alunos da Corporação mais 11 instrumentos musicais novos. Esta é mais uma etapa do projeto que visa o resgate cultural em 100 pontos de Cultura de Minas. Em Veredinha, já foram realizados vários investimentos, por meio deste Projeto, na cultura, como: manutenção da Banda, montagem de sala de informática, aulas diárias de música a crianças e jovens, aquisição de vários equipamentos, custeio de viagens, dentre outros. O Projeto é decorrente do convênio 3021/0/10 realizado entre a Corporação Musical Manoel Alecrim e a Secretaria Estadual de Cultura de Minas Gerais e, certamente trouxe mais vida à nossa cultura. O Vale do Jequitinhonha, antes conhecido pela pobreza e até miséria, atualmente pode ser visto como Vale da riqueza cultural.  

AGRADECIMENTOS ESPECIAIS
*Aos jovens músicos da Corporação que, com grande competência, dedicam seu tempo em favor da cultura local, elevando assim, o nome do nosso município.
*Aos colaboradores que ajudaram no Encontro de Bandas e que estão sempre dando força à Banda de Música.
*À Câmara Municipal que sempre apoiou a Banda.
*À Prefeitura Municipal que tem repassado para a Corporação subvenção mensal para realização de despesas de gestão, regência e aquisição de novos instrumentos.
*Ao Governo de Minas que, por meio da Secretaria Estadual de Cultura, permitiu que Veredinha se tornasse  um dos 100 Pontos de Cultura Mineiros.


Mensagem recebida sobre o Projeto “Cultura Viva”
Blog: Edimar Santos(Dimas):
Parabéns pelo belíssimo trabalho! Desejo um Feliz 2011 para todos e muito sucesso para o Ponto de Cultura. Abraços, Andréa Cardoso. Secretaria de Estado de Cultura de Minas Gerais
  

   COMISSÃO PERMANENTE DE LICITAÇÃO DO PROJETO "CULTURA VIVA"
Edimar L. Santos, Natália Nunes e Rafael Aparecido
               
DIRETORIA DA CORPORAÇÃO:     
Presidente: George F. Pinheiro,Tesoureiro: Vicente de Paulo Maciel e Secretário Wilson F. de Almeeida Júnior




Dimas ,13/01/2011
Acesse o lik : http://www.youtube.com/watch?v=DiCygXLOikw
Veja as ações do Ponto também pelo site: http://http.cmma.hd1.com.br/index.html

                     Nós do Ponto de Cultura "Cultura Viva"- Corporação Musical Manoel Alecrim-Veredinha, sentimo-nos muito agradecidos à Secretaria de Estado de Cultura de Minas Gerais e, parabenizamos seus funcionários pela atenção e competência com que têm tratado os Pontos de Cultura. A nossa realidade cultural está mudando; estamos resgatando os valores culturais de nosso povo por meio da interferência do estado e daqueles que sempre amaram a cultura. As crianças e jovens das cidades pequenas têm, atualmente, entretenimento sadio e de qualidade, possibilitando a expressão de seus talentos e os direcionando a um caminho de arte, lazer, cidadania e crescimento. Os idosos estão revivendo eventos que a tempos estavam apagados pelas dificuldades enfrentadas por seus organizadores. O Programa “MAIS CULTURA” é um marco muito importante para o resgate, a valorização e a divulgação da cultura de cada povo. Estamos trabalhando muito, mais felizes por ver as coisas acontecerem...


Somos todos muito gratos à Secretaria por esse trabalho sério e inovador que tem possibilitados tantas realizações culturais nesse nosso Estado. Parabéns!
                                                                                                               Dimas  02/08/2011





Nenhum comentário:

GALERIA DE FOTOS VI ENCONTRO DE BANDAS DE MÚSICA EM VEREDINHA MG

Reunião para planejamento do VI Encontro de Bandas Le...